Loading...

Olá! Seja bem vindo(a) ao espaço da segurança:

Vamos falar de algo que tem muito haver com segurança pode comentar a vontade... aceito sugestões pra aperfeiçoamento. Obrigado!

Pesquisar este blog

domingo, 26 de junho de 2011


Ata do reunião do Conseg setor 2

Aos vinte e oito dias do mês de abril de 11, os conselheiros reuniram se conforme ata anterior, nas dependências da associação de moradores COHAB do Mato Preto, contando com a participação de membros daquela associação e comunidade em geral. O presidente da associação Sr.... deu as boas vindas a todos e de imediato passou a palavra ao presidente do Conseg Sr. Mauricio Maia, que por sua vez solicitou ao Secretário que procedesse a leitura da ata da última reunião e os ofícios que foram enviados em determinação daquela reunião o qual foi feita.

Na oportunidade o conselheiro, Sr. Moacir Beiger levou ao conhecimento do público, onde e como surgiu, qual papel do Conseg, sua importância no combate a criminalidade, informando, solicitou a comunidade para que mais pessoas sejam parceiras nesta luta, as portas do Conseg estão aberta a todos de boa vontade em participar. Informando que a escola da comunidade já foi atendida por este conselho na busca de solução de seus problemas e que foram resolvidos.

O presidente destacou o ofício entregue ao Sr. Prefeito municipal para que assinasse a adesão ao PRONASCI, criando assim condições de implantar o GGIM em nosso município, informou ainda do seminário antidrogas que acontece na Univille nos dia 23, 24 e 25 de Maio próximo.

Disse ainda que a família deve participar mais nas igrejas seja qual for sua religião, da vida de sua comunidade de forma geral, a sociedade é feita de pessoas e estas estão cada vez mais distantes de Deus é por isso que estamos constatando o crescimento da drogadição e violência os pais não sabem onde andam seus filhos e estes não obedecem seus pais como antigamente, uma pessoa da assembleia disse que em partes o conselho Tutelar tem culpa nisso tudo, pois, se um pai der uns cascudos em seu filho pode ser punido pelo conselho e sofrer as consequências da lei. Com a palavra o Sr. Valdecir Ropelato disse que, a lei do ECA, é interpretada de forma errada muitas vezes, o Conselho é limitado em suas ações, ele  não permite abusos na forma de agressões por parte dos pais, mas, quem deve impor limite aos filhos são seus pais, é deles a incumbência de educar, disse ainda que foi  com base no ECA que foi retirado uma criança que sofria com seus pais (que são dependentes químicos) que moravam  debaixo da ponte próximo ao trevo na 301,  Valdecir solicitou que a assistente social Cristina, Falasse do trabalho desenvolvido por aquela secretaria. Ela por sua vez passou a relatar que por várias oportunidades esteve conversando com aqueles desocupados que vivem naquela região da cidade, com o intuito de tirá-los daquela situação, desde a primeira conversa contatou que existem pessoas com um elevado grau de escolaridade vivendo naquelas condições. Informou que nada pode ser feito para impedir que as mesmas se abriguem por lá visto que é um terreno particular onde o dono afirmou que eles lhe são úteis, pois, fazem o serviço de roçada no local mantendo limpo o que lhe é bom. Cristina disse ainda que a comunidade não pode é dar esmola isso faz com que o indivíduo continue desocupado, a melhor forma de ajudar estas pessoas é: pediu dinheiro vou lhe dar um serviço tem de trabalhar para pagar! Quer comer? Vou lhe dar mas vai ter que cozinhar! Isso faz com que eles se ocupe, ajudando assim a refletir se dando conta de: onde estão, porque estão, como estão, se eu pegar alguém dando esmola, pego a pessoa e levo na porta de quem deu esmola afirmou, não podemos é facilitar que estas pessoas continuem sendo escravas de seus vícios e tirando sua própria vida completou. Retornado com a palavra, o Sr. Valdecir representando a secretária Sra. Lindacir, deixou a SEDEC. disposição da comunidade.

Fazendo uso da palavra o escrivão de policia Eliel de Campos, informou que é responsável pela emissão dos alvarás de funcionamento do estabelecimentos que vendem ou não bebidas alcoólicas na cidade, razão de muitos problemas pelo fato de alguns insistirem em vender bebidas alcoólicas a menores. Em um aparte o presidente da associação disse que aqui dentro da Cohab não tem nem um boteco, mas, que já teve pessoas insistindo para abrir sem êxito. Eliel ainda citou o Art. 144 da Cf. que diz que a segurança pública, é dever do Estado, direito e responsabilidade de todos. Informou ainda que nossa cidade é muito pacata e que em relação a outras é pequeno o índice de criminalidade, mas que não devemos nos acomodar. Fazendo uso da palavra o Sargento Schlögl disse, a arma do PM é o Seu revólver e a do Traficante é o Crack, a maconha o entorpecente de forma geral, disse ainda que todos os vizinhos deveriam se conhecer trocar ideias conversar, na pirâmide da vida todos precisam de saúde, educação, moradia, etc. segurança deveria fazer parte desta lista também, chamando a atenção, indagou os presentes, onde foram os compadres de antigamente? Cadê as pessoas de bem circulando pelas ruas? Fazendo se presente nas praças por aí e assim afugentando a marginalidade, frequentando uma ou outra Igreja como bem disse o Maia? Se você não abraça seu filho pode ter certeza o traficante abraça sim, devemos enfrentar a criminalidade sendo parceiros, mas o que tem acontecido muito ultimamente é o policial não ser muito cortez com um delinquente e ao ser chamado um cidadão para depor as pessoas ficam do lado do criminoso e não do lado do policial. Dirigindo se aos pais desse que jamais digam na presença dos filhos que “não posso mais com ele” isso faz ele se sentir poderoso e cada vez mais desobediente. O Sart. Schlög, afirma que quem coíbe a venda e consumo de bebidas alcoólicas já está, mesmo que sem saber fazendo segurança pública, devemos recuperar pessoas e não simplesmente jogar no abismo, a criança deve receber na escola conteúdo escolar, os filhos devem obedecer seus pais, o último passo é tão importante quanto o primeiro. O presidente deixou a palavra livre caso alguém quisesse fazer alguma pergunta, ninguém querendo se manifestar, agradeceu a presença de todos e com o consentimento dos conselheiros presente convidou para apróxima reunião á acontecer na Associação de Moradores da Vila União no dia 26 de Maio, as 19:30 hs. A título de informação Eliel disse que esta chegando reforço na Policia Cívil, também na Militar, Mauricio disse que usa recortar as matérias dos jornais. Observando o adiantado da hora o senhor presidente deu por encerrada mais uma reunião deste conselho.    






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.